Tricolor sem zaga em Goiás

31/05/2010 at 10:22 pm (São Paulo F.C.) (, , , )

Depois de ter que optar por reservas contra o Guarani, Ricardo Gomes terá mais desfalques contra o Goiás nesta quarta feira.

Alex Silva cortou feio o supercílio numa disputa de bola e, com 20 pontos na cabeça, só voltará depois da Copa.

Renato Silva se contundiu, segundo o jornalista @aribeiroplacar – via Twitter –  e provavelmente ficará fora da próxima rodada.

Gomes contará somente com Xandão para a zaga. Isso se não acontecer nada até o dia do jogo.

Link Permanente 1 Comentário

Guarani 0 x 0 São Paulo – Empate bom. Futebol péssimo.

30/05/2010 at 6:46 pm (São Paulo F.C.) (, , , )

Com apresentação pífia, Tricolor valoriza empate

O jogo foi digno entrar como um dos piores do campeonato.

Num campo esburacado tanto SPFC quanto Guarani até que tentaram jogar um futebol razoável mas o bate rebate, o perde a ganha de bola foi o ponto principal dessa partida.

Nem Fernandão conseguiu salvar a apresentação técnica do time apesar de ter tentado agilizar muitas bolas que chegavam aos seus pés. Busca sempre o jogo rápido e não hesita em passar bola.

Dagoberto foi nulo. Correu errado e deu passes medonhos.

Hernanes voltou a prender um pouco demais a bola e também errou muitos passes. Precisa se auto-corrigir já parece não receber críticas do técnico.

J.Wagner tem pecado na parte técnica. Há tempos não consegue mais cobrar escanteios perigosos. Sua movimentação em campo é a função que mais se sobressai. Falta calibrar o pé.

Jean cumpriu bem seu papel de marcação pelo meio. Quando tem a bolas nos pés arrisca chutes improváveis ao gol que geralmente vai para fora.

Wellington ficou no meio termo em marcar e apoiar, mas é questão de sequência de jogos.

Jr.Cesar tem sido muito acionado e por isso precisa cumprir sua função primária que é ultrapassar e cruzar bolas para área e não parar frente ao marcador e ensaiar dribles.

M.Paraíba  tem boa movimentação mas jogou discretamente pela falta de ritmo.

Ao Fernandinho falta entrosamento geral. Fez as mesmas jogadas de sempre, pela esquerda, e o atacantes não tem se posicionado para receber o passe no meio da grande área. Se ele pode melhorar sua parte tática, os outros também podem ajudá-lo a render mais e ser produtivo com suas jogadas de linha de fundo. É mais na base da conversa o problema.

A zaga teve trabalho tempo inteiro mas conseguiu segurar o ataque rival na maioria dos embates.

Ganhar 1 ponto fora de casa, jogando mal, é sair no lucro. Agora é contra o Goiás no Serra Dourada.

Link Permanente Deixe um comentário

E o final de Lost, heim?

29/05/2010 at 5:06 pm (Geral) (, , , , )

Meu seriado predileto, que acompanhei durante 6 anos assiduamente, acabou.

Do sentimento de ansiedade – e de saudade – que antecedia o capítulo final “The End” surgiu uma baita interrogação depois de sua exibição.

Tudo porque não foi o final que eu esperava. Faltaram respostas a indagações que perduraram por toda série, criadas desde seus primeiros episódios.

O sentimento de vazio foi tão estranho que achei não ter sacado alguma das ligações improváveis que a série nos mostrou durante todo o tempo. Assisti uma segunda vez, uma terceira e conclui que era vazio mesmo.

O desfecho foi cliche, comum em romances de cinema. Parecido com o filme “Passageiros (2008)”. Nada inovador, nada surpreendente. Um fim que encerra-se à altura da trama. A carga emotiva das cenas finais, “a la novela das oito”, convenceu e satisfez a maior parte do público feminino conforme li em alguns sites e blogs especializados.

Já o espectador que se compenetrou nas referências históricas, na mitologia, na física e em tantos outros elementos fantásticos que se misturavam entre si para carregar todo mistério, ficou a ver navios.

Me pareceu que os produtores Damon Lindelof e JJ Abrams não sabiam exatamente como terminariam a história e não foram capazes de desatar os nós e, o personagem fantástico – a ilha – que era o grande mistério, terminou como personagem comum.

Voltaram-se apenas nos personagens humanos, carismáticos, mortais, com “destinos traçados” – como nós mesmos – para encerrar uma história inicialmente brilhante mas que foi engolida diante da própria complexidade. Uma pena.

Moral da história: tudo que é complexo demais para o entendimento natural, é melhor não tentar explicar. Apenas observa-se e quem quiser, aceite.

O box da 6º temporada estará disponível em agosto/setembro.

Link Permanente 1 Comentário

Notas Tricolores – 28/Mai

28/05/2010 at 3:29 pm (São Paulo F.C.) (, , , , , , , , , , , , )

Time desfalcado – Ricardo Gomes quebra a cabeça para montar a equipe que enfrenta o Guarani no próximo domingo, em Campinas. Os prováveis desfalques são Miranda, Richarlyson, Cicinho, Rodrigo Souto e Marlos. Hora dos reservas mostrarem a força e comprometimento. Representarem o time num momento delicado como esse. Além da Libertadores, o heptacampeonato nacional também é um objetivo sério.

Bombril e Biosintética – O marketing Tricolor não conseguiu firmar acordo pelos valores desejados. Num calendário interrompido pela Copa do Mundo, os 40 milhões não foram ofertados e o patrocínio pontual foi a saída para colher alguns valores. Segundo o Daniel Perrone, os atuais patrocinadores tem tudo para ser a parceira até o fim do ano. Certeza mesmo é que 40 milhões não atingirá e a camisa se manterá no estilo “outdoor”. Feia.

Washington esquecido – De artilheiro a anônimo. O torcedor nem lembra mais que W9 faz parte da equipe. Apesar de contratualmente estar ligado ao clube, o jogador não tem ânimo para entrar em campo e correr pela equipe. Chega a dar pena do “canela” mas infelizmente o SPFC não pode se prender a esse sentimento para mantê-lo no time. Desde que chegou, o esquema tático não contribuiu para seu futebol. Suas limitações e atitudes – reclamações públicas – contribuíram muito para que a diretoria buscasse um outro atacante e findar sua estada no Morumbi. Tem coisa que quando é para ser, não será nem na marra. W9 e SPFC nunca deu certo. Bola pra frente.

Fernandinho merece apoio – Leio muitas críticas para o futebol do meia atacante. Ele teve uma excelente passagem no Barueri em 2009 mostrando um futebol ofensivo poderoso. Ainda pode melhorar sua condição física e na função de marcação, mas ainda assim é uma ótima opção na esquerda. É forte, é veloz, tem técnica e só precisa de confiança dos companheiros, sequência de jogo e paciência da torcida para que jogue despreocupado de vaias. “- Ele dribla sempre igual “, dizem alguns. Mas sempre consegue vencer a zaga e aí precisa de alguém na área para receber a assistência. O jogo dele é esse, é simples. Atacante que avança na vertical, com objetividade, de força, de velocidade. Vamos dar uma chance para ele, RG!

Ilsinho – O ex-sãopaulino entrou com um recurso na Fifa contra seu atual clube, o Shaktar da Russia, por não receber salário há 4 meses. Ele está se recuperando no Reffis e a diretoria vê com bons olhos uma repatriação desde que os valores não sejam altos. Seria uma boa contratação já que Cicinho não sabe se ficará até o fim do ano.

Tricolorzinho na Taça BH – A molecada de Cotia, campeã da Copa SP 2010, vem fazendo bonito no torneio. Hoje, às 19h, jogam contra o Uberlândia pela liderança do grupo E. Maiores informações > http://alturl.com/9aqf

CBF x SPFC – Nesta semana o jornalista Juca Kfouri deu um ultimato nas pretensões do SPFC em querer sediar a abertura da Copa 2014, no Morumbi. Disse que um acordo da CBF com a prefeitura de SP já tinha se firmado e criou um rebuliço nos meios esportivos. Juvenal Juvêncio se mantém confiante na abertura e diz que tudo não passa de especulação e pressão política. Atualmente o SPFC busca investidores para apresentar à Comissão Organizadora da Copa que pode financiar os valores de reforma do estádio. O prazo vai até 17 de junho.

Link Permanente 1 Comentário

Camisa comemorativa da Copa

27/05/2010 at 2:58 pm (São Paulo F.C.) (, , , )

Depois do Cruzeiro homenagear a seleção, no jogo de ontem contra o Botafogo, atuando com uma camisa amarela, o SPFC também prestará sua homenagem em clima de Copa do Mundo.

Segundo torcedores da comunidade do SPFC no Orkut, uma camisa comemorativa já confeccionada será usada no último jogo (contra o Grêmio, no Morumbi) antes do início da Copa.

Dizem que será amarela/canarinho. É esperar para ver.

(Fonte no Orkut não é a fonte ideal… Mas, quem frequenta sabe que os membros reúnem notícias de todos os lados, às vezes antes mesmo de sair nos grandes meios de comunicação. A camisa Rebook 2010 por exemplo vazou primeiro num tópico no Orkut).

Link Permanente 2 Comentários

São Paulo 1 x 0 Palmeiras – Primeiro clássico vencido e tabu mantido

26/05/2010 at 11:01 pm (São Paulo F.C.) (, , , , )

Tricolor vence primeiro clássico e se fortalece

Não foi bem um jogo de empolgar os torcedores já que houve muita marcação forte das duas equipes.

O SPFC começou o jogo com o espírito que Fernandão trouxe para a equipe, com convicção pela vitória, com confiança no ataque.

No primeiro tempo, de poucas oportunidades, Marlos e Dagoberto não foram tão eficientes como nos últimos jogos. Fernandão muito marcado não teve com quem jogar e Hernanes voltou a prender como “não” deve fazer.

Apesar da precipitação ofensiva, R.Ceni não teve maiores problemas com a zaga bem postada e Xandão fazendo outra boa partida.

No segundo tempo, já sem Marlos que saiu contundido, o time voltou apático e deu espaço para o Palmeiras crescer.

Por um momento o jogo ficou feio e teve lampejos daquele SPFC que não queremos ver. Prendendo demais a bola, jogadores “fominhas”, pouca movimentação…

Depois de várias tentativas, Fernandinho consegue um boa jogada pela esquerda, avança pela área e toca para Fernandão, oportunista e ligado na jogada, desviar pro gol!

Detalhe: apesar das críticas que Fernandinho recebe, eu acredito que pode render muito mais no time. Uma sequência de jogos e ele pode ser uma arma poderosa na meia esquerda, desde que corrija suas “esfomeadas”. Reparei também que briga diretamente com Dagoberto pela posição. Dago reclamou muito das jogadas do companheiro quando este não tocava a bola… Espero que todos que entram em campo sejam apoiados pelos companheiros. Chega de picuinhas e disputas na base do grito.

Depois do gol o Palmeiras se lançou ao ataque e o SPFC recuou de vez. Cicinho cometeu um pênalti que R.Ceni defendeu para o torcedor vibrar como se fosse um segundo gol.

Diante da boa e atípica atuação nos últimos jogos, este destoou um pouco. Ficou abaixo da média mas nada de anormal. Nem sempre vai dar pra jogar bonito ou ganhar de goleada. Hoje era um clássico que além da vencido, manteve um tabu verde, intacto há 8 anos.

Link Permanente 4 Comentários

Voltando ao blog

26/05/2010 at 7:19 pm (São Paulo F.C.) (, , , , )

Fiquei um tempo afastado por falta de tempo e pela pouca inspiração que meu time proporcionava na frente do pc… rs.

Mas, depois da vinda de Fernandão e o renovado espírito de Libertadores, cá estamos para comentar e cornetar sobre o Mais Querido.

E daqui a pouco tem Choque Rei. Comentários mais tarde!!

Palpite: 2 x 0.

Abs.

Link Permanente 2 Comentários

Universitário 0 x 0 São Paulo – Mediocridade no limite

29/04/2010 at 10:07 pm (São Paulo F.C.) (, , , )

Demorei para abrir o post porque a minha motivação era a mesma do time diante dos peruanos: Zero.

Não pense que não dói dizer que o meu SPFC apresentou um futebol medíocre. Tanto que começo a encontrar razões óbvias de uma possível catástrofe na Libertadores pelo 4º ano consecutivo (2006 não conta porque foi uma campanha honrosa). Nem será preciso ser Mãe Dinah para prever que algo está muito ruim, muito errado para um time que de bom elenco virou um amontoado de jogadores buscando seu espaço. O futuro aparenta ser nublado, escuro, tempestivo.

O jogo contra o Universitario foi tão ridículo que entra na galeria dos piores jogos que o SPFC já fez na história. Sem contar o chilique do Richarlyson, queridinho de Ricardo Gomes e da diretoria. Quase pôs tudo a perder com a expulsão.

Graças ao Santo Paulo o Universitario é fraco. A coisa poderia ter ficado muito mais complicada se perdessemos por 1 golzinho lá… Porque esse time não sabe buscar o gol da maneira mais simples. Gosta de drama, se complica sozinho.

Jogo da volta, por favor.

Link Permanente 1 Comentário

São Paulo 1 x 0 Once Caldas – 50 mil piedosos torcedores

22/04/2010 at 5:54 pm (São Paulo F.C.) (, , )

Tricolor não joga bem mas vence e termina líder do grupo

É meus amigos Tricolores, a coisa continua complicada em se tratando de bom futebol.

O SPFC venceu, tomou a liderança do “poderoso” Once Caldas e se classificou automaticamente para as oitavas da Libertadores. Ótimo? Em termos objetivos, sim. Mas num balanço para a longo prazo o futebol que conquistou 13 dos 18 pontos ficou devendo e muito.

O jogo de ontem teve a presença de 50 mil torcedores que prestigiaram por piedade deste time que não merece um público desse tamanho. O são paulino exigente sabe que não é o Santos que influencia mas que o time precisa ser mais consciente no seu jogo e o que está produzindo.

O Once Caldas entrou fechado e saindo nos contra ataques. Nada anormal para quem vem pro Morumbi. E ainda assim teve chances de armar contra ataques e finalizar a gol com perigo.

O SPFC meio afobado e com a desorganização ofensiva de sempre tentava se aproximar da área e ameaçar uma jogada inteligente. Falhava de 2 em 3 tentativas.

Era bola roubada e contra ataques que paravam na intermediária. Tentantivas frustradas de tabela que irritou a torcida aos 15 minutos de jogo. Cada bola desperdiçada era um chiado de impaciência dos 50 mil presentes.

E não foram poucas. Dagoberto exagerando para jogar pra torcida deu umas 3 de calcanhar e outros tantos passes errados. Perdidaço em campo sem saber com quem tabelar. Sinal de que o time não sabe onde os companheiros estão em campo. Desentrosamento visível.

Hernanes bem que tentou mas é sempre igual. Futebol, atuação, finalizações e produção em campo. Dribla demais onde não é preciso, segura o jogo e mantém os vícios de ser lento com pouca distribuição de jogo.

Fernandinho foi discreto mas atuou com objetividade. Emprega velocidade nas jogadas e tem técnica apurada. Precisa de continuidade entre os titulares.

Assim como Marlos, a grande jóia Tricolor que precisa ser lapidada. Comete erros banais, de jogador de várzea como ser fominha até a torcida xingar. Perde 1, 2, 3 bolas e ainda arrisca a quarta para enfim começar a receber críticas. Uma pena que lhe falte auto-crítica. Tem uma técnica imensa, digna dos melhores camisas 10 da europa, só não sabe utilizar nos momentos corretos.

Cicinho tem a pegada de jogador inteligente, sempre aparece correndo pela direita quando o time ataca. Tem visão de jogo e bons cruzamentos. O que falta é condição física. RG tinha razão, ele produz pouco durante todo o jogo. Mas ainda é dono da direita sem pestanejar.

A defesa foi bem e costumo não criticar. Miranda e Alex Silva sabem o que deve ser feito e mantiveram regularidade técnica e física. Nada a apontar.

Não gostei da atuação de Jorge Vagner neste jogo. Muito além do que já jogou, vem mostrando deficiência técnica em praticamente todos os fundamentos.

No geral o jogo resumiu-se num perde e ganha de bola que até encheu o torcedor. O SPFC que rouba a bola não usa velocidade e desse jeito ficará complicadissímo correr atrás de resultados caso leve um gol dentro ou fora do Morumbi.

Infelizmente tenho preocupações com o que esse time irá enfrentar. Que vou torcer não tenha dúvida. Mas que tá complicado prever segurança ou tranquilidade nos mata-matas é também outra verdade.

Link Permanente 1 Comentário

São Paulo de Oz

20/04/2010 at 6:10 pm (Humor, São Paulo F.C.) (, , , , , )

Vi no blog do Birner a charge de Gustavo Duarte

Uma imagem que resume tudo…

Link Permanente 1 Comentário

Next page »

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.