São Paulo 3 x 0 Nacional – Adversário fraco facilita vitória

19/03/2010 at 1:41 am (São Paulo F.C.) (, , )


São Paulo goleia e é líder com 9 pontos

Não vou me deixar levar pelo resultado.

Vou julgar o futebol jogado, de acordo com o adversário e o que ele pode contra nós.

O Nacional do Paraguai é um clube que classifico como de mediano para baixo. Nem site oficial tem. É um site-blog muito simples, sem recursos, feito de forma amadora. Assim como seu futebol.

E o São Paulo que não tem nada a ver com isso, com estrutura e profissionalismo de sobra em campo e na internet, só restava o dever de encarar o jogo com seriedade e buscar uma vitória com autoridade.

E o jogo começou com os 11 adversários atrás da linha do meio campo dificultando as jogadas de ataque. Até aí normal e previsível.

O problema foi que o SPFC não soube, em boa parte do tempo, entender que esse estilo de jogo força (talvez como única saída) os lances enfiados com jogadores surpresa. Optou pelas bolas alçadas na área e até “achou” um gol com Dagoberto.

Penetrar numa retranca é abusar de tabelas. Meias lançarem os jogadores surpresa e para ficarem cara a cara com o gol. Na retranca adversária até chutar de fora é impossível pela quantidade de jogadores que tapam o gol.

E o Nacional que não fazia nada vacilou logo em seguida e Washington, após caneladas, tocou para para Léo Lima marcar o segundo gol na partida.

2 a 0  e jogo praticamente feito. O Nacional sai pro jogo e a partida melhora na visão do espectador.

O segundo tempo foi mais aberto com o SPFC querendo atacar e esforçando-se para jogar “bonito”. Quase que conseguiu, mas não foi bem assim.

O time passou a se precipitar individualmente. Muitos dribles desnecessários no adversário derrotado, abusou dos erros e chutes para fora. Era jogo para 5 ou 6 gols, mas os vícios impediram um placar mais elástico.

O lance do terceiro gol saiu do jeito que eu quero que Dagoberto jogue: sendo garçom. Correu pelo o meio e deixou Ricky, em boa leitura de jogo e movimentação, na cara do gol. Como nada é perfeito, muito menos em Richarlyson, ele tentou driblar o goleiro, dividiu a jogada e Washington, oportunista, aproveitou a sobra fazendo o dele.

Enfim, erros e acertos contra um fraco adversário. O SPFC pecou novamente pela falta de criatividade ofensiva. Hernanes, o nosso “dez” fez uma partida apagadíssima.

Não me iludo com esse resultado. O time ainda precisa melhorar bastante.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: